Descoberta da Semana: Jonathan Something

A descoberta da semana vem do Brooklyn, mas não de Nova Iorque, mas de Connecticut- Jonathan Something é o projeto do produtor e compositor Jon Searles que conquistou nossos ouvidos e corações com a mistura de sons que vão do folk, country music, com pop e um rock bem old school. Além do som, Jonathan Something também tem letras engraçadas e bem ácidas.

O músico tem um álbum lançado, o Outlandish Poetica (2018) e alguns singles e EPs soltos entre os trabalhos do cantor. O próximo álbum Art So Small You Can Hardly See It, será lançado no prócimo Outubro.Confira então “Dad #1” que além de contar uma história bizarra de Deus ainda tem um desenho ilustrando a narrativa:

Publicado em Descoberta da Semana, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Alexandra Savior- “Saving Grace” (vídeo)

Alexandra Savior divulgou mais um single de seu segundo álbum chamado The Archer. A canção “Saving Grace” tem vocais arrastados e uma grande melancolia na canção, além de ter uma ótima guitarra acompanhando e dando um ar árido para a canção.

Compatível com o clima da canção, o clipe tem Alexandra Savior vestida de noiva em uma pequena capela de estrada esperando, enquanto logo se rebela e pega uma moto e sai pelo deserto. Lidando com todos os sentimentos, o vídeo mostra várias atmosferas de Las Vegas além de ter a cantora fazendo coisas bem mundanas com o vestido de noiva. Confira:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Miles Kane- “Blame it on the Summertime” (vídeo)

Miles Kane anunciou uma pequena turnê chamada Crispy Tour e mais um single “Blame It On The Summertime” que celebra o fim do verão no hemisfério norte e o começo de uma nova era pra carreira do cantor.

Pois “Blame It On The Summertime” ganhou clipe com cenas em Ibiza e um Miles Kane aproveitando o vento nos cabelos na estrada e uma boa piscina mas  ainda dá uma palhinha cantando em bares pela Ilha. Dirigido por Charlie Lightening, confira Miles Kane num carrão vermelho e curtindo a piscina e dando adeus para a o verão (apesar que casa bem com o calorão do Brasil agora). Confira:

Publicado em Indie | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Oh Wonder- “Hallelujah”

O duo Oh Wonder composto por Anthony Michael West and  Josephine Hilary Vander Gucht anunciou a volta recentemente com a faixa “Hallelujah”, nomeado o primeiro single do terceiro álbum ainda sem nome divulgado.

O single “Hallelujah” ganhou um clipe que brinca com cores e a participação de bastante gente que segurou a dupla em vários momentos, enquanto que as letras são inspiradas no tempo em que a dupla era adolescente e fazia música e algumas pessoas desencorajavam os dois a fazerem o som deles. Com aquela mistura das vozes da dupla, confira “Hallelujah”:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Descoberta da Semana: Pet Deaths

A descoberta da semana é o som do duo londrino Pet Deaths.  Composto por Graeme Martin e Liam Karima (quem a gente já conhecia da falecida mas sensacional banda Hey Sholay), o duo faz um som um pouco sombrio, mas delicado que transmite bem sensações e sentimentos.

Recentemente, foi lançado o primeiro álbum com o nome de To The Top Of The Hill And Roll… que conta com a melancólica faixa que inspirou o nome ao álbum, “At The Bottom of the Hill” e a tristeza de “Lola or Lolita”, nós escolhemos o single “Wind Up Bird” e prepare o coração:

Publicado em Descoberta da Semana, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Grimes & Io- “Violence”

Faz quase um ano que Grimes lançou “We Appreciate Power”, e demorou muito, mas chegou! O segundo single da cantora “Violence” junto com Io foi lançado hoje com um clipe superproduzido e com a cara da Grimes.

A faixa “Violence” é a primeira faixa do álbum Miss_Antropocene que segundo a cantora é “um álbum conceitual sobre a deusa antropomórfica da mundança ambiental”. O álbum terá como a humanidade será destruida por uma das musas popstar que encorpora o evento que levou nosso fim. Complicade e bem do universo de Grimes. Confira a musa violência então com muitas vibes dos anos 90 e com uma Grimes bem aérea e ninja:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Miles Kane- “Blame It On The Summertime”

Miles Kane está aproveitando o fim do verão no hemisfério norte e lançou a canção bem solar e animada “Blame It On The Summertime”. A canção também marca mais uma leva de shows que o cantor fará na próxima turnê.

As letras mostram mais um drama de relacionamentos, mas com um tom bem mais feliz com o bom ritmo da canção que fleta com o pop e relembra um pouco a era de Colour of the trap do cantor. Confira então a canção e prepare-se para dançar e aproveitar o sol que  aparece no Brasil:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Elbow- “Empires” (vídeo)

Após um dos álbuns mais sensíveis da banda, Little Fictions (2017), Elbow anunciou recentemente o nome e capa para o novo álbum Giants of All Sizes. O esperado álbum teve agora um clipe oficial para o primeiro single “Empires’.

Com diração de BWTV, e clipe de “Empires” traz uma verdade incoveniente sobre o estado do planeta. Com várias cenas catastróficas devido à interferência do homem no planeta terra, o clipe mostra diversom “Impérios” ruindo em frente dos nossos olhos e o final apocaliptico, resultado de todas estas ações. Confira então o chocante clipe para “Empires”:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Tegan and Sara- “I’ll Be Back Someday”

As irmãs Tegan and Sara estão prestes a lançar o novo álbum Hey, I’m Just Like You em Setembro, onde as garotas redescobrem as canções do começo de carreira e regravam com um ponto de vista mais maduro e uma produção mais caprichada.

A primeira canção a ser liberada é o single “I’ll Be Back Someday”, que traz toda a vibe punk pop dos anos 2000 com uma roupagem mais moderna. Brincando com muitas cores e com a estética do final dos anos 90, Tegan and Sara casam bem toda a nostalgia com os tempos atuais. Confira “I’ll Be Back Someday”:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Descoberta da Semana: Maya Hawke

Não, você meu amigo fã de Stranger Things não leu errado, Maya Hawke, a Robin do seriado que se passa nos anos 80 é a nossa descoberta da semana. A atriz e cantora americana lançou recentemente o EP To Love a Boy/ Stay Open que conta com as duas canções que dão nome ao EP.

Junto com um clipe bem low budget para “To Love a Boy”, Maya apresenta suas canções bem calmas com uma atmosfera folk e uma voz suave e aveludada. Quanto ao clipe, inspirado em filmes como A Pequena Sereia e Splash, Maya é uma sereia encontrada na praia, procurando um amor . Confira o clipe e o som de Maya Hawke:

Publicado em Descoberta da Semana, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário