My Brightest Diamond- “Lover Killer” video

Segundo single da era This is My Hand do projeto My Brightest Diamond ganhou clipe nesta semana.  A deliciosa canção “Lover Killer” aborda exatamente o nome da canção de um modo super criativo no vídeo, dando mais uma leitura pra canção.

My-Brightest-Diamond-Lover-Killer-video-608x339

De acordo com o diretor do vídeo, Jean- Paul Frenay, o vídeo é uma alegoria de renascimento, e há os dois temas centrais da canção: amor (lover) e assassino/ assassinato (killer). Co uma atmosfera pesada e fantástica, o vídeo retrata a dúvida e consequência da decisão no momento que ela é feita. ótima produção e script, é com certeza um dos mais profundos e significativos vídeos deste ano, confira:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Son Lux !!

Son Lux é um artista experimental eletrônico. O projeto de Ryan Lott aos poucos tem sido reconhecido por muitos nomes da cena pop-indie do momento: a adolescente Lorde de versões de “Easy” na turnê que englobou as Américas e Europa e agora e Bat For Lashes regravou a música “Plan the Escape”para a trilha sonora (de altíssima qualidade) do filme Hunger Games. Isso me fez pensar: por que o cara não toca em rádios ou não tem seu trabalho mais divulgado e prestigiado. Conheci Son Lux com o projeto Sisyphus e fiquei pasma coma qualidade de sons e texturas diferentes capaz de despertar sentimentos únicos.

son lux

Son Lux tem 4 albuns lançados sendo um deles um self-release até encontrar a gravadora atual: Joyful Sound. Lanterns (2013), último disco lançado pelo moço trabalha bastante com sons experimentais, mudanças de ritmos e elementos diferentes, sem deixar o orgânico de voz e piano de fora da combinação final. Eu realmente acho estranho o mainstream não falar de um artista tão genial assim, sendo que a sonoridade que Ryan propõe é sim algo nada usual. Boa coisa é que de certo modo ele está sendo divulgado, mas ainda pouco conhecido por muitos.

Publicado em Descoberta da Semana, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Screaming Maldini- “The Last Day of Miner’s Strike”

Más notícias para aqueles que companham os super talentosos músicos Screaming Maldini:  banda decidiu dar um fim às atividades, embora ainda farão apresentações até o final do ano, respeitando a agenda e dando continuidade ao projeto Monthly Maldini XII (sim, quele projeto de uma música por mês). Desta vez o projeto é uma versão de uma música de uma banda também de Sheffield: “Last Day of The Miner’s Strike” do Pulp. maldini miners Ao regravar a canção Screaming Maldini deu um toque delicado, moderno e mais orgânico pra canção dos veteranos Pulp. A canção tem como tema uma greve que aconteceu na cidade na década de 80, e que marcou época. Confia a faixa reinventada pelo Screaming Maldini:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie, Sheffield | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

The Dodos- Individ (album)/ “Competiton” (single)

A dupla americana The Dodos mesmo ainda depois da ressaca do tocante, sensível e extraordinário Carrier, anunciou trabalho novo para ano que vem: 2015 será embalado pelo som do novo disco de nome Individ, e nesta semana a banda anunciou o single novo “Competition” . O álbum será lançado dia 27 de Janeiro e a última faixa terá participação de Brigid Dawson da banda Thee Oh Sees.

PRC-284LP-COVERART_HIres

Com capa novamente em desenho, agora com cores e um pouco mais apocalíptico, Individ tem uma bela canção de single. “Competition” lembra um pouco a pegada energética de “Substance”, com bateria incessante, ritmo marcado e inovador, além dos vocais suaves…um som orgânico mas super inovador, o que falta na cena musical de hoje! Confira o tracklisting e a faixa “Competition”:

1. Precipitation
2. The Tide
3. Bubble
4. Competition
5. Darkness
6. Goodbyes and Endings
7. Retriever
8. Bastard
9. Pattern/Shadow

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Aqualung- “Tape 2 Tape”

Depois de  4 anos desde seu último álbum Magnetic North, o projeto do músico e cantor Matt Hales, de nome Aqualung está de volta, mas desta vez com só um single “Tape 2 Tape”. Porém, nesta nova era Hales se entrega ao experimental e faz com alguns elementos sonoros uma bela canção, com uma explosão e até samples da música “Rock With You” do Michael Jackson (bom, pelo menos foi isso que meus ouvidos apontaram)

aqualung

Quanto ao vídeo, Aqualung não quis se arriscar depois das más experiencias de bastidores ao gravar um clipe, onde uma vez quase morreu congelado e outra em que escapou de ser esmagado pelo piano que quase pegou fogo, e decidiu fazer uma belíssima animação em preto em branco e recortes de papel, com direção de Matt Saunders. Confira o paciente e experimental “Tape 2 Tape”:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Ben Howard- I Forget Where We Were-Album

Uma recomendação daquelas que abalam um pouco seu universo musical, foi assim que me senti ao escutar o álbum novo do cantor inglês Ben Howard ( ajudou também a apresentação que o moço fez no Jool Holland também). Ben Howard tem 27 anos e lançou e o segundo álbum da carreira neste mês, de nome I Forget Where We Were, sucessor do aclamado Every Kingdom que levou o cantor a ser nomeado ao Brit Awards e ao Mercury Prize.

ben howard

O álbum contém 10 canções, cheias de detalhes sonoros e combinações um pouco diferente. A voz de Ben é uma combinação entre denso e suave, e guia entre as canções e os diferentes arranjos. “The End of Affair”é o primeiro single do álbum e mostra como Howard foi capaz de transmitir a decepção e sofrimento de um término de namoro em uma música. I Forget Where We Were pode ser um álbum pesado, mas não deixa de ser lindo, confira “The End of Affair”:

Publicado em Descoberta da Semana, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Pato Fu- Não Pare Pra Pensar (álbum) e “Cego Pras Cores” Video

Não bastou Fernanda Takai lançar o empolgante álbum Na medida do Impossível, Pato Fu está de volta depois de alguns longos anos com o álbum Não Pare pra Pensar. O álbum já está na pré-venda do Itunes e tem a previsão de ser lançado dia 4 de Novembro.

patofu

E não bastou Fernanda Takai fazer o primeiro vídeo interativo com “Seu Tipo”, Pato Fu lançou outro clipe interativo, com versão normal, do primeiro single deste novo álbum. Divertidíssimo, o clipe contém algumas pessoas dançando ao ritmo do som e ao fundo dos tons pastéis, onde pernas e troncos dos corpos se misturam. O som divertido do Pato Fu continua o mesmo, confira:

Publicado em Brasil, Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Meiko- “Be Mine” Video

Meiko lançou Dear You semana passada e nada mais justo que comemorar o feito com mais outro feito para divulgação: o clipe da primeira música de trabalho “Be Mine”. A cantora confessou que se inspirou nas cartas que escreveu para as pessoas que fizeram algo de errado com para ela, já que é esta a forma de se extravasar com a pessoa, para fazer as letras do álbum. “Be Mine” não é diferente: Meiko escreveu para o namorada que estava viajando, e assim, não podia ficar junto da cantora.

bemine

O clipe de “Be Mine” acontece na noite de Nova York, e com uma Meiko diferente da brincalhona e alegre de sempre, mais séria e “dark” como o tema do álbum. Andando pela cidade ou enfrentando alguns conflitos pessoais em bares ( e até desabafando no papel e caneta escrevendo cartas), Meiko mostra uma produção de vídeo super elaborada, com uma bela fotografia. Confira “Be Mine”:

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Oh Land- “Head Up High”

A cantora Nana Øland Fabricius, também conhecida como Oh Land anunciou seu terceiro disco para este ano, em novembro, de nome Earthsick. A cantora vem trabalhando bastante nos últimos anos, sendo que o antecessor, Wish Bone, lançado em 2013.

Oh-Land-Earth-Sick-2014-1500x1500

Com novo visual (a loira mudou seus tons pastéis coloridos por um cabelo curto e moreno), e com um som também acompanhando a mudança, Oh Land busca influência nos sintetizadores dos anos 80 no primeiro single “Head Up High”, que conta com uma letra poderosa e várias edições eletrônicas, ambas características também trabalhadas em Wish Bone. E Vamos ver como será Earthsick, mas confira por enquanto “Head Up High” e o tracklisting:

01. Machine
02. Favor Friends
03. Head Up High
04. Earth Sick
05. Nothing Is Over
06. Doubt My Legs
07. Half Hero
08. Daylight
09. Hot ‘n Bothered
10. Little Things
11. Flags
12. No Particular Order
13. Trailblazer

 

Publicado em Deveria ser mainstream, Indie | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Marina and the Diamonds- “Froot”

Parece que a cantora galesa Marina and The Diamonds voltará logo com um terceiro álbum a vista. A cantora lançou nesta sexta-feira o vídeo de “Froot”, com uma animação com frutas e  a canção com muitos sintetizadores e muitas metáforas de, obviamente, frutas.

marina_froot

Os mais de cinco minutos da música não só dão mais uma direção de como será o som nesta nova fase da cantora ( com influência dos anos 70) mas deixa a curiosidade de qual é o projeto por trás deste cd como aconteceu com a belíssima sacada heterônima-american dream Electra Heart, ou as diversas letras críticas pop do primeiro álbum The Family Jewels. Veremos o que nos aguarda. Confira “Froot”:

Publicado em Indie | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário